sábado, 16 de abril de 2011

Eu te buscava
Antes mesmo de saber
Que você existia
Eu enfeitava a vida
Com raios de sol
Para te receber
Abria entre as estrelas
O espaço exato
Pra cabermos nós
O meu destino já tinha seu nome
Antes de eu te conhecer

Eu me cercava com o Amor
Que haveria de nascer
Quando seus olhos cobrissem os meus
Eu inventava os dias
Em que seríamos mais
Do que você e eu

Seríamos o instante em que o futuro
Acerta os passos com a eternidade
E, em silêncio, te chamava
Pelo nome de 'Felicidade'



(Mateus Borba)

2 comentários:

  1. Vem chegando a páscoa e com ela a lembrança e a emoção do dia em que sentamos no Vesúvio. Você sabia que eu nunca tinha me sentado ali antes?

    Te amo.

    ResponderExcluir
  2. Já li essa poesia antes, não é?
    Sempre palavras lindas!

    ResponderExcluir